Skip to main content

É Outubro Rosa!

Quando se trata de dieta e câncer de mama, os estudos concordam: a alimentação correta pode sim prevenir o aparecimento de tumores. A ingestão adequada de alimentos diminui a probabilidade do aparecimento de câncer porque a dieta pode interferir no destino de nossas células. Entretanto, segundo o IBGE, 9 em cada 10 cidadãos consomem menos do que 400g de frutas e hortaliças por dia – equivalente a 5 porções recomendadas pelo Fundo Internacional de Pesquisa em Câncer.

 

O câncer de mama é formado por células normais do corpo que, após sofrerem alguma mutação no DNA, começam a se reproduzir sem controle e essa proliferação forma o tumor. O consumo de frutas, vegetais e grãos integrais são excelentes na prevenção e controle do câncer de mama. Veja como eles podem ajudar:

tempero

 

 

Alguns alimentos como a cebola, alho, alho-porró e cebolinha e o tomate impedem que aconteçam danos ao DNA das células, freando o processo logo no início e inibindo a tumorigênese –  ou seja a formação do tumor.

 

peixes

Outras estudos também sugerem o papel protetor do ômega 3 no câncer de mama. O ômega 3 compete com os ácidos graxos prejudiciais que aumentam proliferação das células cancerígenas, impedindo a incorporação deles. Podemos encontrar essa excelente gordura nos peixes como sardinha, cavalinha, salmão e nas oleaginosas como nozes, avelã e pistache e também na linhaça.

 

saladas

 

 

Atualmente, várias publicações têm levantado o papel da fibra na redução do risco de câncer de mama, sugerindo que um aumento do consumo de fibras, ou seja, frutas, vegetais e grãos integrais, também podem reduzir o risco deste tipo de câncer por melhorar a saúde do intestino, permitindo que esse excrete mais substâncias danosas.

 

 

brocolisOs vegetais como o brócolis, couve-flor, acelga, repolho, couve, nabo e a couve japonesa contém isotiocianatos que atuam inibindo a ativação das substâncias carcinógenas (metabolismo oxidativo). Os isotiocianatos estão em partes distintas das células dos vegetais por isso, devem ser bem cortados e bem mastigados para que possam se juntar e permitir que a reação química que dá origem aos isotiocianatos ocorra.

 

 

sojaOs fitoestrogenos também exercem um papel protetor no desenvolvimento de tumores mamários. Por serem similares ao estrógeno, mas não iguais, eles previnem alguns efeitos estimulantes que o hormônio pode ter sobre as células cancerígenas. Podem ser obtidos da soja e de seus produtos, os quais contém isoflavonas dos tipos genisteína e daidzeínas.

 

 

 

Agora que você já sabe os alimentos que podem te ajudar nessa prevenção, porque não diversificar o prato? Não esqueça também de realizar o auto-exame e fazer mamografias de acordo com o que o seu médico mandar. Previna-se!

Você pode gostar de ler também...